26.1 C
Salvador
sábado, maio 28, 2022
InícioBrasilBahiaAssessor parlamentar acusa vereador de Lauro de Freitas de agressão em confusão...

Assessor parlamentar acusa vereador de Lauro de Freitas de agressão em confusão na Câmara Municipal

Um bate-boca, seguido de uma acusação de agressão foi registrado na sessão desta quarta-feira (04) na Câmara Municipal de Lauro de Freitas. O líder da prefeita Moema Gramacho (PT), vereador Edvaldo Palhaço (Cidadania), foi acusado de agredir física e verbalmente o cinegrafista Pablo Rosa, assessor do vereador Tenóbio (PSC).

A confusão começou quando a vereadora Luciana Tavares (PCdoB) propôs a desapropriação de galpão conhecido como Carandiru, na localidade de Vila Nova de Portão. Questionada sobre a propriedade do terreno e a legalidade da proposta, a edil partiu para a discussão, proferindo inclusive palavras de baixo calão contra o vereador Tenóbio. Na sequência, em tom de ameaça, ela passou a questionar o trabalho do cinegrafista que estava registrando a sessão.

O vereador Edvaldo Palhaço, partiu também pra cima do assessor Pablo, na intenção de tomar a câmera e danificando o equipamento de gravação. A sessão que estava sendo transmitida ao vivo pelo canal da Câmara no Youtube, foi interrompida por ordem da presidente da Câmara, Naide Brito do PT. Em seguida, estranhamente, o vídeo da sessão foi retirado do ar. As imagens a seguir foram registradas antes da exclusão.

Veja o vídeo:

Cidade Revistahttp://www.cidaderevista.com.br
Notícias e Parcerias? Chama no WhatsApp-> (71) 99900-3232
ARTIGOS RELACIONADOS
- Publicidade -

MAIS ACESSADOS

COMENTÁRIOS RECENTES