segunda-feira, janeiro 17, 2022
InícioPolíticaCapitão Alden diz que Rui Costa segue sendo insensível às vítimas das...

Capitão Alden diz que Rui Costa segue sendo insensível às vítimas das chuvas ao politizar calamidade

Após o governador Rui Costa voltar a fazer críticas ao Governo Federal sobre as operações de combate aos efeitos das enchentes que colocaram diversos municípios em situação de emergência e que mataram 26 na Bahia, o deputado estadual Capitão Alden afirmou que o petista segue sendo insensível às famílias ao fazer uso político da tragédia.

O parlamentar lembrou que ministros estão a todo tempo nas regiões mais atingidas com o intuito de atender as pessoas que perderam casa, bens e familiares, enquanto o governador posta foto tomando café com o intuito de se mostrar “mais simpático” com os baianos.

“Enquanto Rui Costa posta vídeo tomando café, os ministros do Governo Bolsonaro estão sem dormir, atendendo famílias e municípios atingidos pelas chuvas. Falta sensibilidade ao governador, falta gratidão ao Governo Federal por todos os benefícios que já foram enviados à Bahia. Rui Costa, pare de fazer uso político da tragédia. Estamos cansados dos seus discursos e da forma velha que você faz política. Recomendo aos assessores do governador que conversem com ele e peçam para que o mesmo pare de falar tanta asneira no microfone”, disse o deputado.

Alden oficiou a Defesa Civil do Estado da Bahia para obter informações sobre o plano de trabalho realizado na tragédia, bem como se o Estado tem realizado capacitações para esses acontecimentos.

“Quero saber a preparação que a Defesa Civil do Estado teve, já que o Governo Federal realizou capacitação sobre alerta e preparação para estes acontecimentos para os municípios brasileiros, mas apenas 57 cidades da Bahia estiveram presentes. Exemplo de defesa civil é a de Salvador, que atuou com excelência na capital, se antecipando a ocorridos e atendendo comunidades em situação de risco”, afirmou.

Capitão Alden lembrou, também, que o Governo Federal já enviou cerca de R$ 700 milhões para que o Ministério da Cidadania possa agir para que as consequências da calamidade sejam reduzidas, outros R$ 50 milhões já estão nas contas dos municípios, citou também o envio inicial de R$ 80 milhões para reconstrução de rodovias federais, bem como a disponibilização de 119 médicos, de agentes da Defesa Civil e das Forças Armadas para as localidades.

“Enquanto o governador anuncia auxílio sem valor, o Governo Bolsonaro tem ações concretas, que não são fantasiosas e que buscam ajudar os que mais precisam. Para que está feio, Rui Costa!”, completou.

ARTIGOS RELACIONADOS
- Publicidade -

MAIS ACESSADOS

COMENTÁRIOS RECENTES