segunda-feira, janeiro 24, 2022
InícioPolíticaCiro Gomes diz que livro expõe 'hipocrisia' e 'falsidade' de Sergio Moro

Ciro Gomes diz que livro expõe ‘hipocrisia’ e ‘falsidade’ de Sergio Moro

O pré-candidato à presidência Ciro Gomes (PDT) criticou, em mensagem no Twitter, o ex-juiz Sergio Moro pelo lançamento de um livro de memórias nesta semana. Baseando-se em resumo publicado pelo jornal Folha de S. Paulo, Ciro diz que enxergou falsidade e hipocrisia no relato de seu provável adversário nas eleições de 2022.

Moro se filiou recentemente ao Podemos e se posiciona como eventual candidato para a presidência. Pesquisas recentes de intenção de votos mostram o ex-juiz disputando a terceira colocação com Ciro Gomes na corrida eleitoral.

“Todos que já conheciam Moro não se surpreenderão com esta podre exposição de motivos, mas é impossível que os demais brasileiros não fiquem chocados com tamanha hipocrisia e falsidade juntas”, diz Ciro Gomes.

“Se esta delação em busca de um prêmio já revira o estômago, imagine o asco que causaria as omissões do muito que não é contado no livro. Por estas e outras, reitero meu convite: “vamos debater, Moro? Por que se escondes, ex-juiz valentão?”, completou.

No livro “Contra o sistema da corrupção” (288 págs, Editora Sextante), que será lançado nesta quinta-feira (2), Moro escolheu como alvos principais o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

No livro, Moro ainda narra em detalhes a fritura pública que sofreu de Bolsonaro após acusá-lo de tentativa de interferência na direção da Polícia Federal. Segundo o ex-ministro da Justiça e da Segurança Pública, o presidente apresentou “dois nomes inaceitáveis” para a direção da corporação.

Para Ciro Gomes, porém, o livro tem contradições, como em seu posicionamento em relação a uma possível indicação para o STF (Supremo Tribunal Federal).

“Suas mentiras e contradições explodem quando ele nega acertos para ser indicado para o Supremo, mas candidamente confessa que não “descartava a possibilidade de ser nomeado pelo presidente no momento oportuno”, escreveu.

Ciro Gomes é um crítico recorrente de Sergio Moro. Recentemente, o pedetista disse Moro foi incompetente e garantiu impunidade a Lula.

Com informações da Folhapress

ARTIGOS RELACIONADOS
- Publicidade -

MAIS ACESSADOS

COMENTÁRIOS RECENTES