24.5 C
Salvador
sábado, maio 28, 2022
InícioBrasilMoro diz que ‘alguns’ ministros do STF trabalharam para ‘desacreditar e destruir...

Moro diz que ‘alguns’ ministros do STF trabalharam para ‘desacreditar e destruir de vez a Lava Jato’

O ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sergio Moro (União Brasil) publicou na manhã desta quarta-feira, 4, um vídeo em defesa da Operação Lava Jato, da qual foi juiz e conduziu por quatro anos. No início da gravação, o político se dirige a crianças e questiona: “Imagine que você descobriu que alguém está roubando dinheiro da sua casa e da sua empresa? Eu acho que sabendo disso, ninguém ficaria de braços cruzados”.

Em seguida, o ex-juiz faz um panorama da investigação, dizendo que em 2014 os procuradores descobriram que o “Brasil estava sendo roubado”. Moro defende que as provas encontradas pela Lava Jato eram “inquestionáveis” e que muitos envolvidos confessaram seus crimes. “Os brasileiros viram, pela primeira vez na história, políticos e poderosos pararem atrás das grades, inclusive um ex-presidente até da República e um ex-presidente da Câmara”, citou o ex-juiz.

“Nosso país saiu de celeiro da impunidade para se tornar exemplo mundial no combate à corrupção”, afirmou o ex-ministro, que aproveitou para criticar o Supremo Tribunal Federal (STF). “O crime nunca desiste. E, agora, tem um movimento de algumas pessoas poderosas, incluindo alguns ministros do Supremo, para desacreditar e destruir de vez a Lava Jato. Querem anular condenações baseadas em fatos e provas concretas, como por exemplo, pagamento de propinas e subornos. Aliás, já começaram a fazer isso”, criticou Moro.

Em julho de 2017, quando ainda era juiz, Moro condenou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) a 9 anos e meio de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do tríplex do Guarujá. Em 2021, a Suprema Corte anulou as sentenças e considerou o magistrado foi parcial no julgamento. A opinião do STF foi ratificada pelo relatório do Comitê de Direitos Humanos da Organização das Nações Unidas (ONU) que considerou a condenação do petista como injusta e que direitos políticos de Lula foram violados. No final do vídeo, Moro pede que a população se mobilize nas redes sociais e nas ruas em apoio à Lava Jato.

Com informações da Jovem Pan

Cidade Revistahttp://www.cidaderevista.com.br
Notícias e Parcerias? Chama no WhatsApp-> (71) 99900-3232
ARTIGOS RELACIONADOS
- Publicidade -

MAIS ACESSADOS

COMENTÁRIOS RECENTES