26 C
Salvador
terça-feira, novembro 30, 2021
Blessed Modas
InícioBrasilBahia"Não vejo empolgação em Wagner para ser governador", diz ACM Neto

“Não vejo empolgação em Wagner para ser governador”, diz ACM Neto

Em entrevista à rádio Nova Brasil FM, nesta terça-feira (16), o ex-prefeito de Salvador e pré-candidato ao Governo do Estado, ACM Neto (DEM), cutucou o senador Jaques Wagner (PT) e provável nome do Partido dos Trabalhadores em disputa ao Palácio de Ondina no que vem.

Para o democrata, não há empolgação de Wagner em se lançar candidato. O petista já foi governador da Bahia por oito anos, antes do seu sucessor, o atual governador Rui Costa, assumir a cadeira.

“Vejo o ciclo do PT na Bahia chegando ao fim. A alternância de poder é bom para a democracia. Além disso, não sentimos em Wagner essa empolgação para ser governador. Por isso é hora de dar vontade a quem está com disposição. Estou pronto para fazer esse enfrentamento, mas sem fazer política rasteira. Eu não tenho condições de montar meu jogo dentro do que os adversários vão fazer, mas conto que a principal aliança nossa é com o povo”, afirmou. 

Sobre a especulação que a eleição a federal pudesse interferir na polarização estadual, Neto acredita que não terá essa influência.

“Não tenho duvida que o eleitor baiano tem claro que são coisas diferentes. Não dá para colocar apenas na conta da influência nacional os resultados das eleições no estado. Eu estou pronto para governar a Bahia com qualquer presidente, posso apresentar o meu exemplo, o que já fiz. Em oito anos, governamos com dois governadores diferentes e três presidentes distintos. Penso que a eleição na Bahia vai ter a sua dinâmica própria”, disse.

Neto lança sua pré-candidatura ao governo no próximo dia 2 de dezembro, em evento no Centro de Convenções de Salvador. “Eu diria que em mais de 90% dos municípios da Bahia hoje nós já temos um grupo político organizado e bem selecionado e pessoas prontas para entrarem em campo no próximo ano. Em relação a prefeitos da mesma forma. A gente vem recebendo o apoio de prefeitos de diversos partidos da base do atual governo. Eu acho que a tendência em relação a esses movimentos é que amplie”, disse.

Após lançar a pré-candidatura, Neto afirmou que vai dar início ao diálogo com os partidos de sua base. “A minha prioridade vai ser a de iniciar a construção desse período com os partidos que estão conosco hoje. Eu, como sou um democrata, não vou deixar de conversar eventualmente com outros partidos, mas a prioridade vai ser na contração pelo campo político que hoje está ao nosso lado aqui na Bahia”, completou.

Como não há coligações proporcionais, o ex-prefeito da capital disse ainda que irá participar da organização das candidaturas a deputados dos partidos de sua base. “Com a nova regra eleitoral, em que não há coligação proporcional, fomentar candidaturas a deputados nesses partidos é fundamental. Então eu não vou me preocupar apenas organizar as chapas de candidatos a deputado do União Brasil, eu vou ter que me preocupar e dar uma força também para esses outros partidos que vão estar conosco”, salientou.

Associação FelizCidade
ARTIGOS RELACIONADOS
- Publicidade -
Blessed Modas

MAIS ACESSADOS

COMENTÁRIOS RECENTES